Início > Saiu na Mídia > Retiro de Ano Novo – Música e Conexão Humana 2019/2020

Retiro de Ano Novo – Música e Conexão Humana 2019/2020


Cada dia mais pessoas indagam sobre Nazaré Universidade da Luz! Confirmamos ser um espaço de aprendizagem contínua, que oferece vivências, cursos, práticas meditativas, tendo por objetivo promover o autoconhecimento e o despertar da consciência.

Àqueles que aqui comparecem são oferecidas acomodações individuais, refeições ovolactovegetarianas com produtos obtidos da horta orgânica. Três meditações diárias e atividades compartilhadas nos vários espaços do campus, integrado à beleza natural da Mata Atlântica, compõem o quadro do ritmo que encaminha a inigualável prazer físico e espiritual.

O jornalista só queria observar a Passagem do Ano 2019/2020 em Nazaré Universidade da Luz.  Dia 31 de dezembro se mostrou animado, céu azul salpicado por nuvens brancas soprava ligeiro vento ameno. Chegaram para a virada do ano sessenta participantes que se distribuíram alegremente em diversas atividades no campus, uns foram designados para trabalhar na horta, outros na padaria, alguns na copa e limpeza das partes internas, e ainda outros foram para a cozinha, coração produtivo da transformação alimentar.

Regia essa sinfonia melódica um veterano chef reputado como um artífice de requintados quitutes culinários. Hábil focalizador, preciso na condução de doze ajudantes, partiram para elaboração de um caleidoscópio de pratos alimentares típico das alturas epicuristas da Roma antiga.

No Centro Comunitário, mesas dispostas com finíssimas toalhas brancas, bouquets de flores expunham uma féerie de requintados pratos culinários elaborados com requintes gastronômicos, que faziam a glória do mais exigente gourmet.

Provamos uma Beringela al forno que veio quentinha à mesa, envolvida por fatias de tomates, pimentões, finíssimas rodelinhas de cebolas, ervas aromáticas, cobertos por honesto azeite de oliva da prima spremitura.  

Seguiu um Arroz de Festa com castanhas do Pará, alcaparras, cubinhos geométricos de cenouras. Coloria o prato açafrão da terra, tempero que o indiano tanto aprecia, e mais três itens finais coroavam o prato, contendo sal verde de cebolinha e salsinha.

Surpreendeu a Lentilha à Moda Indiana envolvida em temperos exóticos da Índia, sentimos toques de pitadas de curry, sementes de mostarda, suaves ao paladar, aromáticos como um todo. Pela mesa pães recheados com especiarias diversas, recém-chegados do forno.

Finalizando os pratos quentes fomos aos pratos frios. Uma travessa de porcelana branca abrigava quinoa hidratada, no paladar sinais de gengibre, tirinhas de cenoura al dente diziam bem porque vieram à mesa.   Uma sucessão de saladas verdes chegou para estimular os comensais. Frescas, crocantes, temperadas, disseram bem porque vieram.   Havia que se precatar nos testes, pois a bateria de desserts desafiava o paladar. Ali estava o tenro pão de mel à moda nazarena envolto em massa de cacau, enormes roscas nazarenas confeccionadas com leite de coco, levemente adocicadas com açúcar mascavo.

Finalizava o cardápio uma constelação de pudins, manjar branco com ameixas pretas, e um pavê capaz de fazer um frade capitular no pecado da gula.

Lado a lado cestinhas de palha abrigavam uma seleção de frutas da estação.

Afinal só queria conhecer a Ceia da Passagem do Ano 2019/2020 em Nazaré Universidade da Luz.  Ceia elaborada à perfeição foi elogiada pelos participantes e recebida com gratidão, respeito e dignidade na atmosfera harmoniosa do ambiente.

Nazaré Universidade da Luz não está vinculada a nenhuma linha espiritual ou religiosa e nem a dogmatismos de qualquer ordem.

Por Tarcílio Barros, 91 anos, jornalista e frequentador de Nazaré Uniluz.
X
X