Início > Cursos e Vivências > Oficina de Tecelagem – Arte, Beleza e Autodescoberta

Oficina de Tecelagem – Arte, Beleza e Autodescoberta


oficina-de-tecelagem-capa-site-nazare-uniluz

“Se foi tarefa dos anjos tecer nossos dias como se fossem sonhos, eles não se esqueceram de nos deixar como legado os fios enredados na vastidão do chão: o frágil tecido humano.” – (Ângela Dumont)

O que é:

Nesta oficina você conhecerá a técnica de tecer dos povos orientais chamada Kilim. Para estes povos, os tapetes são bem mais que uma peça decorativa e utilitária, eles são um elemento importante da vida pessoal e familiar que carregam um simbolismo espiritual, cultural e das tradições dessa arte milenar passada de geração a geração.
Ao tecer o seu próprio tapete, com desenhos geométricos de muitas cores, você irá acessar o seu potencial criativo, desenvolver habilidades manuais e aprender em grupo de maneira lúdica e prazerosa a milenar arte de tecer fios e histórias.
A oficina também contará com contação de história e com práticas corporais como a Eutonia – terapia e educação corporal –, e Lian Gong – ginástica terapêutica chinesa – em sua programação, tornando a sua vivência ainda mais enriquecedora.

Conteúdo Programático:

  • Ensino do “passo a passo” para produzir um Tapete Kilim.
  • Preparação da urdidura: cortar os fios, colocar no pente, prender no rolo urdidor, enrolar, prender no rolo da trama.
  • Iniciar a trama aprendendo como executar listras, pontilhados, fendas, interpenetrações, uniões e diferentes ângulos de inclinações.
  • Práticas corporais para auto cuidado.
  • Apostila e barbantes coloridos fornecidos no curso, com os quais o aprendiz tecerá um pequeno tapete/mostruário que levará consigo.

Clique para mais detalhes sobre o que viveremos durante este ciclo

Sexta-feira

Tarde: 

A partir das 14h00 – Check-in para os participantes e tarde livre para contemplação com lanche de boas-vindas

Noite: 

19h00 – Meditação

19h20 – Jantar

20h30 – Reunião para integração e apresentação do grupo, da história, princípios e acordos de Nazaré Uniluz

22h – Silêncio Absoluto

 

Sábado a Quarta-feira

Manhã: 

07h00 – Meditação

07h20 – Desjejum

08h15 – Roda de Abertura da Manhã

08h30 – Atividade Tecelagem

12h00 – Meditação

12h20 – Almoço

Tarde:

14h30 -Atividade Tecelagem

16h30 – Lanche

17h00 – Atividade Tecelagem

Noite: 

19h00 – Meditação

19h20 – Jantar

20h00 – Atividade Tecelagem

22h00 – Silêncio Absoluto

 

Quinta-feira

Manhã:

07h00 – Meditação

07h20 – Desjejum

08h15 – Roda de Abertura da Manhã

08h30 – Atividade Tecelagem

11h00 – Partilha de fechamento

12h00 – Meditação

12h20 – Almoço

Saída do campus após o almoço

 

Para que:

O contato com o tear e suas técnicas é um convite para acessar o ser criativo, promovendo harmonia, paz interior, quietude e autoconhecimento, pois ao concentrar-se em si e desligar-se do externo nos harmonizamos com a nossa luz e expressão individual.
Além de desfrutar de uma atividade manual prazerosa, a experiência também oferece técnicas para que você possa explorar com qualidade os seus dons artísticos.

Para quem:

Pessoas que buscam uma experiência descontraída e lúdica no ato de criar, conviver e se reconhecer. Não é necessário experiência ou habilidades com a tecelagem. Gradualmente os dons artísticos se revelam no fazer.

Carga horária:

30 horas

Datas, valores e inscrição - clique abaixo:

janeiro 2022

21jan(jan 21)00:0027(jan 27)00:00Oficina de TecelagemArte, beleza e autodescoberta

Partilhas
X
X